Santa Catarina

Praia da Armação um dos principais pontos de pesca artesanal de Florianópolis.

A praia da Armação do Pântano do Sul, ou simplesmente a Praia da Armação é uma das mais tradicionais de Florianópolis. Reduto de pescadores, a praia possui forte ligação histórica com a extinta pesca da baleia, sendo ainda hoje um dos principais pontos de pesca artesanal da ilha.

O nome Armação é comum em praias de origem pesqueira e deriva da montagem ou armação de armadilhas para a realização da pesca. Em Florianópolis, a Praia da Armação teve a pesca baleeira como a principal fonte de renda,  onde se aproveitava o óleo para produção da iluminação urbana. Outras partes do cetáceo também eram utilizadas, como a carne, a gordura e até as barbatanas. Com isso, a pesca predatória levou à quase extinção do animal.

Atualmente, as baleias franca são fortemente preservadas e são vistas constantemente nas praias da Costa Leste de Florianópolis, já que a espécie migra da Antártica procurando águas com temperaturas mais elevadas para reproduzir e amamentar seus filhotes. As baleias francas podem ser observadas e admiradas entre os meses de julho e setembro.

No vilarejo, que fica na extremidade direita da praia, há pousadas, bares e estabelecimentos comerciais, e por ser uma comunidade pesqueira, é reduto de bons restaurantes especializados em peixes e frutos do mar. Ali também acontecem exposições de artesanato, brechós e apresentações culturais.Atração histórica, A Igreja de Sant’Anna, construída em 1772, e localizada no centrinho da Armação, é a única edificação da época dos tempos da pesca da baleia ainda de pé, inclusive em sua fachada na época da construção, foi utilizado o óleo de baleia, para oferecer-lhe maior resistência. Embora a igreja conserve muitas características da reforma realizada em 1838, outra reforma feita em 1948, modificou totalmente a fachada do prédio. No local, os arpoadores e tripulantes das baleeiras ( barco que existe somente em Santa Catarina), se confessavam e participavam da missa antes da pesca e ao final desta, o sacerdote descia até a praia para benzer as embarcações que iam para o mar.

Do trapiche da Armação (localizado na Ponta das Campanhas), saem barcos que levam à paradisíaca Ilha do Campeche. A Associação dos Pescadores Artesanais da Armação do Pântano do Sul, conta com 28 barcos que fazem este trajeto e também à Praia da Lagoinha do Leste.A faixa de areia atualmente não é tão extensa, pois há poucos anos uma grande ressaca destruiu boa parte da orla da praia e uma barreira de contenção de pedras atualmente ocupa uma grande extensão da costa da Armação.

Entre as sugestões de passeios, podemos citar um passeio pela Ponta das Campanhas, que apresenta uma bela vista panorâmica do local, as refrescantes piscinas naturais e porque não conhecer uma reserva ecológica com a maior lagoa de água doce da costa catarinense? O Parque Municipal da Lagoa do Peri que fica a apenas 1 quilômetro da praia da Armação, possui 5 quilômetros de espelho d’água e oferece infraestrutura com banheiros, estacionamento, parque infantil e restaurante. Suas águas rasas são ótima opção de diversão para as crianças.
A boa quantidade de ondas atrai surfistas o ano todo, sendo o canto esquerdo chamado de Caldeirão, o mais procurado. Em 2003 aconteceu a etapa brasileira do WTC, que trouxe para a Armação, a elite mundial do surf.

Uma boa dica é almoçar no tradicional restaurante Vieira  e curtir um fim de tarde no calçadão da Armação, um programa muito relaxante e cheio de gente bonita, onde é possível avistar muitos barcos de pesca que contribuem para um cenário bucólico encantador.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...